4.11.10

I have the right to dream

tenho sonhos bons e maus, tristes e alegres, estúpidos e com sentido, contigo ou sem ti. não me interessa se não está nem aí, ou se ainda nem te deste ao trabalho de pensar que eu gosto de ti. até podes pensar que não te ligo ou que nem quero saber de ti. só sei que não é por isso que não posso sonhar. tu até podes tornar-te num pesadelo, mas enquanto isso não acontecer vais sempre entrar nos meus sonhos ou não

Nenhum comentário: